Celso Sabino toma posse e assume a missão de promover o turismo sustentável

Celso Sabino toma posse e assume a missão de promover o turismo sustentável

Em Brasília, no último dia 03 de agosto de 2023, o ministro do Turismo, Celso Sabino, do União Brasil, tomou posse no Palácio do Planalto com a presença do presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva

Celso Sabino, deputado federal eleito pelo estado do Pará assume o ministério do Turismo com a missão de fazer do turismo uma ferramenta de desenvolvimento sustentável. “É um desafio que aceito com determinação e humildade, mas com muita confiança. Sendo um setor transversal, será fundamental a interlocução com a Câmara dos Deputados, Senado Federal, ministérios, governos estaduais e municipais”, declarou o ministro. Segundo ele, vai trabalhar de forma unida, integrada, transversal e sistêmica, priorizando a busca pelo desenvolvimento sustentável, de forma justa e com base na preservação ambiental.

Na ocasião, o ministro apresentou um panorama da realidade do turismo brasileiro. Celso Sabino destacou que em 2022 o setor faturou cerca de 730 bilhões de reais em todo o país. Entretanto, em 2019, antes da pandemia, o Brasil recebeu mais de 6,3 milhões de turistas, números que confirmaram atingir uma marca histórica. Para o novo ministro, há muito que se trabalhar pois o número de turistas estrangeiros no Brasil está muito abaixo do potencial brasileiro.

“Esse quantitativo é praticamente o mesmo número de turistas internacionais que estiveram na Torre Eiffel – em apenas um único aparelho em Paris. Nossa vizinha Argentina recebeu 7 milhões de visitantes; Estados Unidos, 50 milhões; China, 65 milhões; e Espanha, 71 milhões de turistas estrangeiros. E nós, 6,3 milhões”, dimensionou o ministro. “Vamos trabalhar para aumentar essa representatividade do Brasil”, ressaltou.

Conforme informações do colaborador especial Zaqueu Rodrigues, o ‘Conselho Mundial de Viagens e Turismo’ projeta uma movimentação de cerca de 9,5 trilhões de dólares em todo o mundo neste ano

Em seu pronunciamento de posse o novo ministro afirmou que o Conselho Nacional de Turismo foi ampliado e passou por mudanças. Um total de 93 conselheiros tomaram posse e já está previsto para o próximo dia 19 a primeira reunião de trabalho para avançar com o novo Plano Nacional de Desenvolvimento do Turismo, que segundo Sabino é uma das iniciativas prioritárias.

Sabino seguiu falando sobre outras ações de linha de frente, entre as quais, campanha para incentivar o turismo doméstico por meio da redução do preço das passagens aéreas e descontos para turistas estrangeiros. Falou também sobre a ampliação da conectividade entre as companhias aéreas, investimentos em novos produtos e destinos turísticos e sobre a urgência em melhorar a segurança turística.

O ministro recém empossado vem ressaltando em seus pronunciamentos o potencial do turismo brasileiro a intenção em promover investimentos descentralizados para efetivar a criação de novos polos turísticos e incentivar segmentos como o TBC- Turismo de Base Comunitária, o etnoturismo, o afro turismo, o volunturismo e o ecoturismo sustentável.

(Com apoio de conteúdo do colaborador especial Zaqueu Rodrigues)

 

 

 

LEIA TAMBÉM

COMENTÁRIOS

DEIXE SUA OPINIÃO

POR FAVOR, INCLUA SEU COMENTÁRIO
POR FAVOR, INCLUA SEU NOME